• Bambuí, 26 de Janeiro de 2021

Operação conjunta prende oito integrantes de organização criminosa

Foto: PCMG

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), com apoio da Polícia Militar, realizou a operação Sonata, visando desarticular uma organização criminosa vinculada ao tráfico de drogas que age na região Centro-Oeste do estado. As ações ocorreram nos dias 20, 21 e 24 de novembro, nas cidades de Arcos, Córrego Fundo e Pimenta. As investigações iniciaram em agosto deste ano, após denúncias anônimas recebidas pela PCMG.

Segundo o delegado que coordenou os trabalhos policiais, Patrick Carvalho, a operação resultou na prisão de oito integrantes da organização criminosa e na apreensão de 147 papelotes de cocaína; 2,3 kg de maconha; quase 2 kg de cocaína, além de insumos e materiais para refino e embalagem da droga. Também foram arrecadados nove celulares; R$7.339 em dinheiro; um cheque no valor de R$1.153; dois carros; uma moto; três balanças de precisão e uma espingarda de chumbinho.

Prisões

De acordo com as investigações, os suspeitos, moradores das cidades de Pimenta e Arcos, utilizavam um sítio, na zona rural de Arcos, para o preparo dos entorpecentes. Durante a intervenção policial, realizada no dia 20 de novembro, três homens, de 22, 25 e 27 anos, foram flagrados saindo do referido sítio, onde funcionava um laboratório para refino e embalo de drogas. No local, foi apreendida grande quantidade de pasta base de cocaína, além de diversos insumos e materiais para refino de droga e dinheiro.

Em seguida, uma equipe da Polícia Civil se deslocou até a casa de um dos investigados, no bairro Castelo, em Arcos, ocasião em que outro integrante da organização criminosa, de 20 anos, foi preso em flagrante na posse de diversos papelotes de cocaína, embalados e prontos para a comercialização.

No mesmo dia, uma equipe da Polícia Militar foi a um terceiro imóvel, localizado no bairro Nova Morada, também em Arcos, após receber informações de que as namoradas de dois integrantes da organização criminosa estariam escondendo drogas para eles. Após levantamentos, foi verificado que, durante a prisão dos outros investigados, um jovem de 19 anos, membro da mesma organização, buscou a droga com as garotas e as escondeu em uma estrada vicinal, na zona rural de Arcos. O entorpecente foi localizado e apreendido, sendo o jovem de 19 anos preso em flagrante por tráfico.

Em continuidade às investigações, a polícia apurou que a mesma organização criminosa havia alugado um sítio na zona rural de Córrego Fundo, com o intuito de armazenar drogas e depois comercializá-las. Assim, no dia 21 de novembro, equipes das polícias Civil e Militar foram até o local indicado e apreenderam grande quantidade de maconha e cocaína. Pai e filho, de 53 anos e 26 anos, foram presos. Conforme investigação, o homem de 53 anos também é pai de outros dois integrantes da organização.

A PCMG ainda representou pela prisão de um oitavo suspeito de integrar o grupo criminoso, de 19 anos, pelo crime de tráfico de drogas. O mandado foi expedido pela Justiça e cumprido no dia 24 de novembro, em Pimenta. Conforme apurado, o investigado teria pedido a um adolescente para esconder, em meio a uma plantação de soja, diversas buchas de maconha. O adolescente foi localizado e indicou a localização da droga, apreendida pela polícia.

Os presos foram encaminhados ao sistema prisional, onde se encontram à disposição da Justiça. As investigações prosseguem. Participaram da operação policiais civis em Arcos e Formiga, com apoio da Polícia Militar em Arcos e Pimenta.


Compartilhe:

COMENTÁRIOS